Gal Costa – Recanto (Ao Vivo) [DVD] [HDRip] + [EXTRAs] [EXCLUSIVO]

NOTAS DOS EDITORES

Gravado ao vivo no Rio de Janeiro com produção de Caetano Veloso e co-produção de Moreno Veloso. “Recanto Ao Vivo” foi eleito o Melhor Show do Ano pelo Prêmio Multishow e Jornal O Globo. Incluindo canções do último álbum Recanto, Gal ainda revê grandes sucessos de sua carreira, como “Baby”, “Vapor Barato”, “Um Dia de Domingo”, “Dom De Iludir”, “Meu Bem, Meu Mal”, “Divino Maravilhoso”, “Força Estranha”, entre outros.

 

 

Generos: MPB, Show
Ano: 1 de Jan, 2012
Tracklist: Not StoreLeia mais »

Anúncios

Gal costa – Sublime (Single) [Exclusivo][iTunes Match] [Disponível]

NOTAS DOS EDITORES

Depois de lança seu primeiro single ‘Palavras No Corpo’ composição inédita de Silva e poeta Omar Salomão, Gal lançará nessa sexta a sua próxima canção inédita “Sublime”, que chegará como segundo single do álbum a “A pele do futuro”  prevista para chegar no dia 28 de setembro pela gravadora Biscoito Fino.

Sublime, música inédita do compositor paulista Dani Black. A música era originalmente um samba, mas, com o arranjo da gravação de Gal, emula o estilo dos hits dos frenéticos dancin’ days. [Faixa Musical]

 

 

Gênero(s): MPB, Music
Lançado:  24 de Ago, 2018
Tracklist: Store

Leia mais »

Gal Costa – Palavras No Corpo (Single) [iTunes Match]

NOTA DOS EDITORES

nspirada na declaração de amor hiperrealista de Gal Costa em “Sua estupidez”, de Roberto e Erasmo Carlos, o músico capixaba Silva e o poeta Omar (filho de Waly) Salomão compuseram “Palavras no corpo”, o single que prefacia o novo disco da cantora, a sair pela Biscoito Fino, em agosto. Vale lembrar que o rock canção inicial tinha sido registrada no emblemático show/disco “Fa-tal gal – A todo vapor”, produzido por Waly Salomão, em 1970.

Silva, que já havia acompanhado Gal como tecladista em turnê a bordo do repertório de Lupicínio Rodrigues, por sua vez, inspirou-se na abrasiva Amy Winehouse, uma das paixões sonoras da cantora baiana. O arranjo foi feito sob a direção musical de Pupillo, baterista, produtor e compositor, integrante da banda pernambucana Nação Zumbi.

 

 

Gênero(s): MPB, Music
Lançado: 18 de mai, 2018
Tracklist: Store

Leia mais »

Gal Costa – Estratosférica (Ao Vivo) [Álbum] [iTunes Match]

NOTAS DOS EDITORES

“Estratosférica ao Vivo” não é apenas o registro de um show de Gal Costa. É, mais ainda do que isso, o retrato da artista ao alcançar os 70 anos de vida, 50 deles dedicados à música. Com direção geral de Marcus Preto e produção musical de Pupillo (Nação Zumbi), o espetáculo estreou no Teatro Castro Alves, em Salvador, Bahia, em 27 de setembro de 2015, o dia seguinte ao aniversário da cantora. A gravação do álbum ao vivo aconteceu quase dois anos depois, nos dias 23 e 24 de junho de 2017, na Casa Natura Musical, em São Paulo. A direção do DVD é assinada por Joana Mazzucchelli (Polar Filmes). “Estratosférica ao Vivo” marca a chegada de Gal Costa à gravadora Biscoito Fino.

O show “Estratosférica” coroa a nova fase artística de Gal, cada vez mais interessada em ligar várias pontas da história da música do Brasil, unindo os compositores de sua geração a nomes da nova cena nacional. A sonoridade foi cuidada para potencializar esse desejo. A cantora havia gostado muito do ambiente ora roqueiro, ora bossa-novista construído para ela pelo mesmo núcleo criativo em um espetáculo que fizera poucos meses antes, sobre o repertório de Lupicínio Rodrigues. Assim, quando ensaiavam o que viria a ser o “Estratosférica” ao vivo, o pedido que veio da cantora não deixava margem para desvios: “Não quero nada careta, quero um show bem rock’n’roll”.

 

Gênero(s): Brasileira, Mpb, Music
Lançado: 10 de nov, 2017
Tracklist: Store

Leia mais »

Gal Costa – Recanto [Álbum] [iTunes Match]

NOTAS DOS EDITORES

Recanto é o trigésimo álbum da cantora brasileira Gal Costa, lançado em dezembro de 2011. Todas as músicas foram escritas por Caetano Veloso, que também assina a produção junto ao seu filho (e afilhado da intérprete) Moreno Veloso.

Sua sonoridade é diferente das bossas, sambas e canções MPB das quais ficou conhecida, pois mistura rock, música eletrônica, IDM, texturas alternativas e experimentais. A própria Gal definiu o álbum como uma extensão do Tropicalismo devido à sua sonoridade e às suas letras. A crítica se dividiu, a revista Billboard Brasil deu uma crítica positiva dizendo que “Recanto é um retorno”, o título da análise foi “Sacode do Muleque”, se referindo a música da cantora que estava acomodada. Porém, a Revista Rolling Stone Brasil deu uma crítica mista, dando 2 estrelas e meia (num total de 5), dizendo que “a cantora voltou modernizada” e comentou que o trabalho tem muitos acordes diferentes e modernos, mas a interpretação e as composições deixam a desejar. A voz da cantora foi considera “preguiçosa” e as composições “artificiais” pela mesma publicação.

O álbum foi considerado o décimo oitavo melhor trabalho pela própria Rolling Stone, que havia ficado em dúvida sobre o trabalho. De acordo com a publicação, o trabalho feito em dupla tem “a vontade de se reinventar como um dos seus méritos principais”, além disso a música Recanto Escuro também ficou entre as 20 melhores músicas do ano.

 

 

Gênero(s): MPB, Music
Lançado: 1 de jan, 2011
Tracklist: Store

Leia mais »