Daíra – Amar e Mudar as Coisas [Exclusivo] [Álbum]

A poesia de Belchior está viva e ativa – Por Duda Brack

O rapaz latino americano nunca esteve tão presente, mesmo com sua ausência física. No ano em que Belchior completa 70 anos de vida – e 40 anos do lançamento do álbum “Alucinação” – sua obra é revivida na voz da jovem e talentosa cantora Daíra.

Daíra Sabóia é natural de Niterói e iniciou sua carreira musical ainda criança. Teve contato desde muito cedo com a obra de Belchior através de seu pai, Carlos Sabóia. A ligação profunda da interprete com a retórica do autor se ressignificou no contexto político que atravessamos, então surgiu a idéia de reascender este repertório em show intimista e visceral. A maturação do espetáculo trouxe consigo o ímpeto de gravar o disco, idealizado pela cantora ao lado do produtor musical Rodrigo Garcia (diretor artístico do selo Porangareté).

“Amar e mudar as coisas” foi gravado no estúdio Luperan, no Vale do Stuky, Lumiar (região serrana do Rio de Janeiro), em julho de 2016. O fato de voz e violão terem sido gravados ao vivo em uma mesma sala, sem click e sem edição, imprime uma organicidade muito grande ao álbum. Predominando a assinatura do violão exuberante de Rodrigo Garcia – que serve de estrada (e, em alguns momentos, atua como mola-propulsora) para Daíra trilhar e transportar toda carga poética presente no repertório escolhido, o disco conta com as participações dos músicos Alex Merlino (bateria), Augusto Fere (guitarra), Ismael (acordeon), Miguel Dias (contrabaixo) e Pedro Fonseca (teclados).

Totalmente apropriada de cada uma das canções – que lhes vestem de armadura e argumento – Daíra dá subsídio ao comprometimento de Belchior com a crítica social e política, e transita pela pluralidade do autor, trazendo, ao mesmo tempo, tom doce, ácido, profundo e irônico. Em “Amar e mudar as coisas”, a intérprete se debruça com intensidade e coragem sobre estas canções, e a poesia de Belchior adentra nossos ouvidos sem filtro ou empecilho; escorrega através do canto forte, e, ao mesmo tempo, suave, da cantora – que nos fere, delicadamente – infiltrando os recantos mais adormecidos da alma da gente, e revela Daíra, com todo seu frescor, como a maior interprete que o autor já teve.

Apesar da simplicidade com que é tecido, o álbum está imbuído de uma carga emocional grandiosa, potente, capaz de encostar no mais sublime da nossa sensibilidade, comovendo e provocando arrepios e lágrimas. A poesia de Belchior está viva, ativa.

 

 

Resultado de imagem para Porangareté

 

500x500bb119

Loja: iTunes Store

Lançamento: 01 de Set de 2017

Qualidade: iTunes Match AAC M4A

Gênero(s):  MPB, Brasileira

Tamanho:  91 MB

 

AAC M4A (1)U

 

 

 

AAC M4A (1)K.png

 

 Nº TÍTULO DURAÇÃO
1 5:37
2 4:05
3 2:02
4 3:10
5 5:12
6 4:43
7 5:33
8 5:38
9 3:54
10 4:18

℗ 2017 Porangareté

 

 

DOWNLOAD ALTERNATIVO

 

AAC M4A (1)G   AAC M4A (1)

 


 

 

 

Anúncios

2 comentários em “Daíra – Amar e Mudar as Coisas [Exclusivo] [Álbum]

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s